Notícias

1 26/01/2022 14:56

Em dezembro, a receita atingiu R$ 193,902 biilhões; Receita Federal atribui resultado a receitas não recorrentes

A arrecadação total das receitas federais atingiu R$ 1,878 trilhão no acumulado de 2021. O valor representa um crescimento de 17,38% e relação a 2020, já descontada a inflação. Os dados foram divulgados na terça-feira (25). Em dezembro, foram contabilizados R$ 193,902 biilhões.

A Receita Federal (RFB) atribui o crescimento no ano passado ao inicio da retomada do crescimento e a receitas não recorrentes – atípicas), como R$ 40 bilhões recolhidos de Imposto de Renda Pessoa Jurídica e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido. As receitas administradas pela RFB atingiram R$ 1,792 trilhão no ano passado.

“Temos já uma tendência, pelos dados de janeiro de 2022, que essa retomada do crescimento econômico será crescente em 2022”, opinou o secretário da Receita, Júlio César Vieira, na coletiva em que os dados foram apresentados os dados. Conforme o órgão federal, o resultado do ano passado é o melhor desde 2000. Os meses de fevereiro, março, abril, maio, julho, agosto, setembro e dezembro de 2021 também foram os melhores, para cada período, desde 1995. Com informações do UOL

 

*Bahia.ba







Rua Tiradentes, 30 – 4º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.430-180
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9711-6971 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.