Notícias

1 26/01/2022 14:11

A PM detalhou que recebeu a denúncia da transação; prisões foram realizadas no bairro do Barbalho

Um trio de policiais militares foi preso em flagrante ao negociar, na tarde de terça-feira (25) a venda de uma submetralhadora de produção artesanal com suspeitos de tráfico, no bairro do Barbalho, em Salvador. Eles estão detidos na Coordenadoria de Custódia Provisória (CCP), em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS).

De acordo com o portal g1, os PMs, que não tiveram a identidade divulgada, são lotados na 2ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). De acordo com a corporação, a denúncia chegou e, desde então, o caso começou a ser acompanhado. 

No momento em que foram encontrados, um dos militares estava com o armamento dentro do próprio veículo e confessou que a arma e munições seriam vendidas. 

O trio foi levado à Corregedoria da corporação, onde foi registrada a prisão em flagrante. Fontes ligadas à PM informaram que o trio pretendia vender o armamento por R$ 350 mil, mas a polícia não confirmou a informação.

Ainda segundo a PM, um inquérito será aberto na esfera penal, e  um processo administrativo também será aberto. O procedimento pode resultar na exclusão dos militares da corporação. A polícia não informou se eles serão afastados dos cargos, até a conclusão do caso.

 

*Metro1







Rua Tiradentes, 30 – 4º Andar – Edf. São Francisco – Centro - Santo Antônio de Jesus/BA. CEP: 44.430-180
Tel.: (75) 3631-2677 | 3631-2924 | 3631-9500 | 9 9711-6971 (Whatsapp) - Definitivamente a melhor.
© 2010 - Rádio Andaiá FM - Todos os direitos reservados.